Aromaterapia pet

Aromaterapia

O seu cão sofre com problemas relacionados à ansiedade de separação, agitação, falta de apetite ou até mesmo excesso de latidos? Se sim, saiba que podemos aproveitar o sentido mais desenvolvido dele e resolver tudo isso com ajuda da aromaterapia pet na rotina. Sou a Kelianne mamãe da @bellabeagleig e vou te contar muito mais neste texto! 

O olfato canino

De todos os 5 sentidos do cachorro (olfato, audição, visão, paladar e tato), o olfato é o mais desenvolvido. Isso acontece porque os cães possuem 25 vezes mais células olfativas que os humanos, isso significa que possuem duzentos milhões de receptores olfativos nasais; que também permitem saber de qual lado vem o cheiro, ou seja, da direita ou da esquerda, isso é incrível não acham?

Além disso, cada receptor olfativo detecta e identifica as moléculas de odor (cheiros) que estão constantemente voando pelo ar e impregnados em objetos, por exemplo. Por isso que o seu cão reconhece seu cheiro mesmo que você esteja a alguns quilômetros de distância. 

Um cão pode farejar milhares de cheiros e tipos que, ao nariz humano, passa completamente despercebido e, eu como uma tutora de beagle, sei muito bem disto! Pois, o ato de farejar durante o passeio se torna extremamente relaxante e prazeroso e, por que não utilizar este poderoso sentido para promover saúde e bem estar deles também através da aromaterapia?

O que é aromaterapia pet?

Aromaterapia é a arte e a ciência que visa promover a saúde e o bem-estar do corpo, da mente e das emoções, através do uso terapêutico do aroma natural das plantas por meio de seus óleos essenciais. 

O aroma é uma das principais características das plantas de onde é extraído o óleo essencial.

Logo, a aromaterapia pet se fundamenta no uso dos aromas dos óleos essenciais, que são extraídos de plantas e que ao serem captados pelo olfato do animal, pode lhe promover bem-estar, equilíbrio e saúde.

Algumas formas de aplicar a aromaterapia em animais são:

  • Massagens – em partes do dorso do animal;
  • Borrifação – mais utilizado no ambiente, através dos sprays;
  • Inalação indireta – utilizando 1 gotinha em rechôs ou difusores para aromatizar o ambiente.

O que são óleos essenciais?

Os óleos essenciais são substâncias complexas, voláteis e de fragrância variável, provenientes de qualquer parte da planta, sendo produzidos principalmente pelas famílias das plantas Lauraceae, Myrtaceae, Labiateae, Rutaceae, Umbeliferaceae, entre outras, e resultantes do metabolismo secundário das plantas aromáticas. 

Existem diversos tipos de óleos essenciais e, cada tipo possui uma finalidade terapêutica e inúmeros benefícios como: 

  • Eliminar coceiras, reduzir lambedura compulsiva e consequentemente prevenir dermatites;
  • Combater a coprofagia (quando o animal tem compulsão por comer fezes);
  • Aliviar ansiedade, depressão ou estresse;
  • Tratar inflamações de pele ou respiratórias, infecções de ouvidos, erupções cutâneas, flatulência, halitose e problemas articulares ou motores;
  • Prevenir e combate fungos e parasitas no animal.

A aromaterapia por meio de óleos essenciais deve ser em quantidade adequada para cada pet. Isso porque o óleo é absorvido no organismo por inalação, ingestão e contato com a pele. Ao entrar na corrente sanguínea muito rapidamente são distribuídos para vários tecidos

Por isso, o uso inadequado, pode causar intoxicação, queimaduras, irritações, diarréias, salivação, desidratação, desmaios, entre outros sintomas. Para evitar problemas indesejáveis pelo uso incorreto dos óleos essenciais, seguem ainda algumas precauções e casos de contraindicação a seguir:

  • Evite o uso de óleos essenciais em animais com epilepsia e tendências à convulsões. A não ser que tenha indicação e acompanhamento de um veterinário;
  • Redobre o cuidado do uso de óleos essenciais quando se tratar de felinos, pois eles são mais sensíveis a cheiros e vulneráveis à intoxicação;
  • Nunca deixe os frascos de óleos essenciais ao alcance de crianças e animais, devido ao risco de causar intoxicação;
  • Não use óleos essenciais de forma oral em animais.

A seguir conheça as essências mais comumente utilizadas na aromaterapia pet.

Óleo essencial de lavanda

É um dos óleos essenciais mais conhecidos na aromaterapia pet devido às suas propriedades calmantes que promovem o relaxamento. Por isso tem sido bastante usado em pet shops em banhos de ofurôs e spa pet. Além disso, possui também propriedades anti séptica, analgésica, anti inflamatória e cicatrizante.

Óleo essencial de hortelã

Parece estranho inicialmente, mas tenho certeza que você já usou algum produto mentolado para dor muscular, não é mesmo? Este produto possui o óleo de hortelã que  possui ação analgésica, é bastante utilizado para massagear hematomas, lesões, locais doloridos do corpo; ajuda a aliviar dores reumáticas, de tendinite, nevralgia, artrite e dores musculares. Mas também possui efeitos na melhora da função gastrointestinal; e a variação hortelã-pimenta, ajuda a fortalecer o sistema imunológico.

Óleo essencial de cardamomo

O cardamomo possui benefícios tanto no sistema digestivo quanto respiratório. Pois, ajuda a manter o trato gastrointestinal equilibrado, facilitando a digestão e reduzindo as cólicas gástricas. E no sistema respiratório, atua melhorando a respiração. Além disso, este óleo essencial ainda pode potencializar ação calmante no ambiente para os animais mais ansiosos ou agressivos.

Óleo de neem

Neem tem efeito excelente como repelente de insetos, pulgas, carrapatos, bernes, moscas e mosquitos evitando que a transmissão de doenças graves para o seu pet por meio da picada. Ainda é muito útil para eliminar parasitas do ambiente e também para evitar infestação de insetos e plantas.

Além disso, as propriedades medicinais do neem são capazes de servir de suporte para tratar problemas de pele diversos como: alívio de coceira, irritação na pele e infecções cutâneas diversas. Também possui efeito hidratante na pele e pelo, protegendo dos efeitos da exposição à poluição, terra, água; deixando muito mais macio e sedoso.

Este óleo essencial já faz parte da rotina de cuidados da Bella, tanto para hidratação do pelo e derme através da loção de neem que utilizamos tanto como banho a seco quando necessário como também já usamos na higienização de feridas e o poder de cicatrização é incrível.

E vocês, já usaram algum destes óleos essenciais? Qual a sua experiência com produtos naturais e os resultados? Me contem!!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.