Gestação de cachorro: o que oferecer para a mãe?

Gestação de cachorro

Não existe tema mais emocionante no mundo pet do que a gestação de cachorro responsável. Afinal, acompanhar uma gestão é saber que a partir dali nascerão novas vidas preciosas e que vão proporcionar todo o amor e carinho que seu futuro tutor poderá lhe dar. Este é um tema que temos escutado com menor frequência, por conta da conscientização dos tutores em castrar seus Pets. Mas não deixou de ser um tema menos importante, em especial porque cada vez mais sabemos da importância das gestações bem cuidadas e isso inclui a saúde da mãe.

Assim como as mulheres, as cadelas gestantes também necessitam de todo um acompanhamento durante a gestação para garantir que esteja tudo bem com ela e com os filhotes. Por isso é essencial o cuidado com a mãe durante este período. Pois caso ela tenha alguma deficiência de nutrientes, elas optam por fornecer os nutrientes para os filhotes, acabando por ficarem desnutridas e com falta de vitaminas e minerais no corpo.

Gestação de cachorro

A gestação de cachorro dura em média 58 a 63 dias. O adequado é realizar um ultrassom após os 28 dias de gestação para saber como estão os filhotes e se confirma a gestação. É extremamente importante realizar exames periódicos na fêmea para saber se ela está saudável. A partir de 45 dias de gestação já é possível realizar o Raio-X para fazer a contagem dos bebês e saber durante o parto se todos nasceram ou se será necessário realizar alguma intervenção.

Se seu cão for braquicefálico é importante que o veterinário que faz o acompanhamento da gestação saiba a data do parto para poder realizar uma cesárea se for necessário, para a mãe não sofrer muito durante o parto.

Qual a melhor ração

Este é um dos pontos mais importantes, pois é importante que a fêmea tenha um ótimo suporte nutricional para garantir o desenvolvimento correto dos filhotes. Além disso, saiba que a cachorra gestante normalmente fica com o apetite bem aumentado. Por isso, o ideal é aumentar a quantidade de ração oferecida ao dia para que ela consiga se nutrir e nutrir os filhotes. Contudo, observe se a cadela não ganhará muito peso, pois isso pode levar à obesidade. 

Fêmeas obesas têm maior dificuldade na gestação e hora do parto, fazendo com que muitas vezes o veterinário precise intervir. Por isso, deve-se aumentar a ração de forma gradual e junto com o aumento da ração dividir as refeições em pequenas porções. Pois os filhotes crescem e comprimem o estômago, fazendo com que a cadela tenha  mais dificuldade de se alimentar.

O melhor alimento para o período de gestação de cachorro é ração para filhotes, de preferência rações Super Premium. Isso porque elas já possuem nutrientes, gordura e proteína necessária para que a mãe tenha uma boa gestação. Além disso, você pode oferecer alimentos úmidos para ajudar sua cachorra  a se alimentar.

É normal que na primeira e segunda semana a cadela perca um pouco do apetite. Pois assim como em mulheres grávidas, as cachorras também passam por enjoos e desconfortos no início da gestação. Então, se sua cachorra ficar sem comer é bom consultar seu veterinário para saber se não há nada de errado com a mãe e os bebês.

Suplemento para gestação de cachorro

Existem muitos tipos de suplementos para cães, mas são poucos que são próprios para fêmeas gestantes. Então é bom se atentar na hora de oferecer um suplemento, pois pode causar danos ao invés de benefícios.

Procure sempre suplementos para gestantes ou para cadelas em lactação. É necessário se atentar também em medicamentos que são oferecidos para as cadelas.

O Suplemento Nutricional pode ser oferecido a cadelas gestantes, ele auxilia no combate a vermes intestinais, possui também ação de repelente natural. Assim, você oferece a essa mãezinha uma gestação livre de pulgas e carrapatos. Então, se sua pet já utiliza o neem, ela pode continuar usufruindo de seus benefícios.

Contudo, é importante lembrar que se sua cachorras estiver com a imunidade baixa e ainda não fizer uso de Neem é melhor esperar o fim da gestação para iniciar seu uso. Também é indicado suspender a utilização 30 dias antes do acasalamento, caso os cães estejam com a imunidade baixa para evitar complicações, devido a alta ação do neem no combate a vermes e parasitas via corrente sanguínea.

Para adquirir o Suplemento Nutricional Pet de Neem basta clicar aqui.

Ração para cadela amamentando

O trabalho de parto é exaustivo para a mãe, e assim que terminar ela precisa começar a amamentar os filhotes. Eles necessitam de um leite muito nutritivo para crescerem fortes e saudáveis. Para isso ela precisa de mais energia que o normal para conseguir amamentar seus filhotes. Então é essencial continuar a oferecer a ração de filhotes para ela durante toda a amamentação. Isso porque esta ração tem mais calorias e nutrientes, ajudando a fornecer as vitaminas necessárias aos filhotes.

Quando a fêmea chega na quarta semana de amamentação é quando ela tem o maior pico na produção de leite. Pois os filhotes estão crescendo mais e precisaram de mais leite para se satisfazerem. Neste momento, a porção de ração diária da mãe pode chegar a 300% a mais que o habitual.

Lembrando que é importante ver o tamanho da ninhada, para poder oferecer a quantidade correta sem prejudicar a saúde da mãe.

A partir da quarta semana os filhotes podem começar a experimentar outro alimento. Então bom que comece oferecendo papinha para filhotes em desmame para que possam se adaptar com o alimento e aos poucos realizar a transição para uma alimentação sólida.

Após o desmame o ideal é voltar a mãe para a ração antiga de adultos.

Então, aprendeu mais sobre como cuidar da sua pet durante a gestação de cachorros? Deixe um comentário, compartilhe com aquele seu amigo que tem uma cachorra gestante.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *