3 Hábitos dos gatos

Hábitos dos gatos

Um dos grandes erros dos humanos é tentar igualar os gatos aos cães. Isso porque são espécies muito diferentes e o comportamento e os hábitos dos gatos são muito peculiares à espécie.

Gatinho são conhecidos por serem mais reservados, independentes e normalmente solicitarem menor atenção comparado a maioria dos cães. Além disso, há o mito de que gatos não gostam dos tutores e que não demonstram sentimento. Mas será? Vamos entender um pouco sobre alguns hábitos dos gatos neste post!

Hábitos dos gatos

Gatos são animais muito refinados e elegantes, como todo felino. Seus gestos são sutis e muitas vezes delicados, mas os hábitos dos gatos dizem muito sobre seus sentimentos e saúde e precisamos estar atentos para compreender nossos gatinhos.

Por que os gatos ronronam?

O ato de ronronar é a emissão de um som bastante característico dos gatos que lembra um motorzinho. Esta é uma das primeiras expressões que os gatos aprendem, logo que nascem. Isso porque é através desse sim que eles chamam a atenção da mãe felina na ninhada.

Com o tempo, eles adquirem o hábito de ronronar como modo de expressar sua alegria e carinho com o próximo. Mas também há ronronados para expressar sua insatisfação ou stress. Então, embora a fama de não demonstrarem sentimentos, na verdade, a maioria dos gatos ronronam bastante como demonstração emocional.

Contudo, é fundamental que o responsável observe outros sinais do animal para entender se ele está bem ou se há sinais de stress combinados e então esse gatinho precisa de ajuda para gasto de energia, enriquecimento ambiental e outras técnicas para baixar o nível de stress no organismo e oferecer qualidade de vida a ele.

Por que os gatos amassam pãozinho?

Quem nunca viu seu gatinho apertando o local onde vão se deitar com pequenos passos para frente e para passar, como quem amassa algo? Esse é um dos hábitos dos gatos mais característicos e exibe uma clara mensagem de alegria e felicidade.

Normalmente o ato de amassar pãozinho acontece perto de um humano favorito, que ele confia e pode vir acompanhado do ronronar, num combo de hábitos dos gatos. Então, esse é um caso em que o ronronar é um comportamento feliz, pela composição de ações do felino.

Além de demonstrar alegria, o ato de amassar pãozinho remonta as lembranças da infância quando ele amassava o corpo da mamãe, a fim de ficar mais confortável e mamar. Por isso também, é comum que em seguida o gato mame um cobertor ou almofada.

Por que os gatos dormem tanto?

Você sabia que um gato pode dormir até 18hs por dia? Pois bem, a maior parte da vida, o gato passa dormindo e não é por preguiça, como muitos imaginam!

Os felinos possuem movimentos muito rápidos e habilidosos em seus hábitos e interações com o ambiente, outros animais e humanos. Esse comportamento gera um gasto energético muito grande para eles, criando a necessidade de dormir mais para se recuperarem.

Além disso, os gatos têm hábitos noturnos. Por isso, passam boa parte da noite andando pela casa enquanto os humanos dormem e dormem de dia e despertando de fato já no final da tarde, enquanto estamos acordados e nos dando a impressão de serem ainda mais dorminhocos do que realmente são.

Por que os gatos se lambem?

Se tem um hábito dos gatos que é unânime entre eles é o fato de se lamberem rotineiramente, isso porque os gatos são “auto limpantes”, ou seja, eles conseguem se banhar sozinhos, por meio das famosas lambidas.

E talvez você se pergunte: mas esse banho deles é eficaz?

E a resposta é que SIM! A maioria dos gatos consegue fazer a higiene pessoal sozinhos e muito tranquilamente, salvo algumas exceções que precisam de banho dado por humanos quando:

  • O gato é preguiçoso
  • Tem problemas articulares e de flexibilidade e não consegue se banhar por completo.
  • Casos de problemas de pele, onde há a necessidade de um banho terapêutico.
  • Por fim, casos excepcionais onde a sujeira é muito grande e o banho se faz necessário, como um gatinho que caiu na lama!

Ao se lamber a língua do gato é preparada para remover sujeira e pelos mortos graças aos pequenos espinhos da língua que grudam as partículas. Por outro lado, sua saliva ajuda a cuidar da própria pelagem durante as lambidas, deixando o banho bem completo.

Contudo, é sempre importante observar se as lambidas não se tornam compulsivas, deixando de ser higiene e se tornando um comportamento gerado por tédio ou stress.

Por que gatos comem insetos?

Os gatos são animais caçadores e esse instinto ainda é muito aguçado na espécie. Por isso, é comum vermos os gatinhos caçando insetos e brincando com eles depois ou comendo-os. Embora meio nojento, a verdade é que sim, eles caçam insetos e comem (Aliás, alguns cães também!) e na maioria das vezes isso não é um problema, é a lei da natureza.

Desde que o seu gato seja saudável, esteja com os exames e vacinas para gato em dia e que o inseto caçado não seja venenoso, a ingestão deles não gera nenhum problema de saúde. É comum tememos por possibilidade de vírus, protozoários e bactérias que tais insetos podem carregar, mas em geral a carga é muito baixa para se tornar um problema para o seu gatinho e o sistema imunológico dele se encarrega de resolver isso de forma bem tranquila. Inclusive, o consumo diário de Suplemento Nutricional Pet ajuda muito a manter a imunidade do seu gato elevada, colaborando muito nesses momentos.

Outro hábito dos gatos é caçar e levar a presa para os tutores como forma de presente. Além disso, no  caso de fêmeas prenhas ou com filhotes, a caça pode ser levada para o ninho como forma de alimento.

De todo modo, o ideal é não incentivar esse hábito dos gatos, para evitar riscos com animais venenosos. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.